Pesquisa de Processos

Número do processo:
38
Nome do processo:
Arena Atlântida/Pavilhão Atlântico*Atlântico, S.A.
Data de notificação:
2012-08-17
Data de produção de efeitos:
2012-08-17
Data de decisão:
2013-03-21
Descrição do processo:
A presente operação de concentração, notificada a 17 de agosto de 2012, consiste na aquisição de controlo exclusivo pela Arena Atlântida - Gestão de Recintos de Espectáculos, S.A. ("Arena Atlântida"), sobre o Pavilhão Atlântico ("Pavilhão Atlântico") e a Atlântico - Pavilhão Multiusos de Lisboa, S.A. ("Atlântico").

Companhias

Nome:
Arena Atlântida - Gestão de Recintos de Espectáculos, S.A.
Descrição:
sociedade-veículo, constituída com vista à aquisição do Pavilhão Atlântico e da Atlântico, controlada conjuntamente, por Luís Montez, pela Ritmos & Blues - Produções, Lda., pela Espírito Santo Ventures, Sociedade Gestora de Capital de Risco, S.A., por Jorge Vinha da Silva, por Jorge Quintão, por José Faísca e por Jaime Fernandes.
Nome:
Atlântico - Pavilhão Multiusos de Lisboa, S.A.
Descrição:
sociedade detida pela Parque Expo 98 S.A., cuja atividade consiste, essencialmente, no aluguer de espaços para organização de espetáculos e outros eventos no Pavilhão Atlântico, bem como, através da sua subsidiária Blueticket-Serviços de Bilhética, S.A., na prestação de serviços de bilhética.

Notícias

Data:
2012-08-23
A Arena Atlântida - Gestão de Recintos de Espectáculos, S.A. ("Arena Atlântida") notifica a aquisição de controlo exclusivo sobre o Pavilhão Atlântico ("Pavilhão Atlântico") e a Atlântico - Pavilhão Multiusos de Lisboa, S.A. ("Atlântico").

(publicado Aviso no Diário de Notícias e no Jornal de Negócios, de 23 de agosto de 2012)

Data:
2013-02-11
O Conselho da Autoridade da Concorrência adotou uma decisão de passagem a investigação aprofundada na operação de concentração 38/2012 - Arena Atlântida / Pavilhão Atlântico*Atlântico, S.A.

Em 11 de fevereiro de 2013, o Conselho da Autoridade da Concorrência, no uso da competência que lhe é conferida pela alínea b) do n.º 1, do artigo 17.º dos Estatutos, aprovados pelo Decreto-Lei n.º 10/2003, de 18 de Janeiro, delibera dar início a uma investigação aprofundada à operação de concentração, nos termos da alínea c) do n.º 1 do artigo 50.º da Lei da Concorrência, uma vez que a mesma suscita sérias dúvidas, à luz dos elementos recolhidos, quanto à sua compatibilidade com uma concorrência efetiva nos mercados da promoção de eventos de música ao vivo, serviços de ticketing e exploração de espaços indoor para espetáculos e eventos de grande dimensão
 

Data:
2013-03-21
O Conselho da Autoridade da Concorrência adotou uma decisão de não oposição com condições e obrigações na operação de concentração 38/2012 - Arena Atlântida / Pavilhão Atlântico*Atlântico, S.A.

Em 21 de março de 2013, o Conselho da Autoridade da Concorrência, no uso da competência que lhe é conferida pela alínea b) do n.º 1 do artigo 17.º dos Estatutos, aprovados pelo Decreto-Lei n.º 10/2003, de 18 de Janeiro, delibera adotar uma decisão de não oposição, nos termos da alínea a), do n.º 1 e n.º 3 do artigo 53.º da Lei da Concorrência, acompanhada da imposição das condições e obrigações, destinadas a garantir o cumprimento do conjunto de compromissos assumidos pela Notificante.

Actividades

  • Exploração de espaços indoor para espetáculos e eventos de grande dimensão
  • Prestação de serviços de emissão e distribuição de bilhetes para espetáculos e eventos
  • Promoção de espetáculos e eventos de música ao vivo

Documentos

Título Tipo Data
Anúncio 2012-08-23
Decisão pública 2ª fase 2013-03-21